Você está aqui: Página Inicial > Menu Embap > Estrutura física > Acervo Artístico

Página do Acervo Artístico do Campus de Curitiba 1 - Embap

Sobre o Acervo Artístico

Carinhosamente conhecida na memória dos paranaenses como “Belas”, a EMBAP guarda em seu acervo um registro de grande parte dos artistas paranaenses, além de reunir documentos e objetos que carregam a memória da Escola e parte da história das artes no Paraná.

Em 1948 - ano da sua fundação - a Escola de Música e Belas Artes do Paraná, através do seu primeiro diretor, Fernando Correia de Azevedo, que tinha a pretensão de criar a primeira Pinacoteca de Arte do Estado do Paraná, solicitou aos primeiros professores que lecionavam na escola a doação de obras de sua autoria, iniciando assim o acervo.

As primeiras obras foram doadas por João Turin, Lange de Morretes e Estanislau Traple, que pintou retratos em homenagem aos professores falecidos; e Theodoro de Bona, que pintou a Galeria dos Diretores. Essa prática permaneceu até a gestão de Henriqueta Penido Monteiro Duarte, a primeira diretora mulher da Belas.

Grandes mestres da arte paranaense foram professores na instituição desde o início, como Arthur Nisio, Erbo Stenzel, Estanislau Traple, Guido Pellegrino Viaro, João Turin, João Woiski, Frederico Lange de Morretes, Leonor Botteri, Luiz Carlos de Andrade Lima, Oswald Lopes, Theodoro de Bona e Waldemar Curt Freyesleben dentre outros, formando muitos alunos e seguidores da arte.

Ao longo de mais de 70 anos reunimos - através de doações de ex- professores, ex-alunos, professores e de artistas - aproximadamente 578 obras registradas, entre pinturas, desenhos, esculturas, gessos, fotografias, tapeçarias e documentos, alcançando um acervo de valor cultural imensurável no transcorrer da história da instituição.

“Reserva Técnica” é o espaço destinado à guarda do Acervo através de critérios da Conservação Preventiva, cuidando do seu ambiente, acondicionamento e segurança. Acreditamos numa Reserva Técnica visitável através do acesso agendado e seguro, por estar inserido dentro de uma escola de arte.

Com o novo curso de Museologia evidenciamos no Acervo Artístico da Belas a importância de seu caráter didático-pedagógico - disponível para alunos, professores e toda comunidade - à pesquisa, empréstimo de obras para exposições em museus e outros, respeitando sempre os cuidados de segurança.

A Comissão do Acervo é constituída para dar continuidade na sua ampliação, avaliando as futuras doações e incorporação das obras, mantendo-o com qualidade histórica, artística e documental, contribuindo para sua contemporaneidade.

Um acervo bem cuidado e com acesso seguro tem um valor inestimável para alunos, professores e para toda comunidade.

Comissão do Acervo

Prof.ª Drª. Maria José Justino

Prof.  Drª. Dulce Osinski

Prof.ª Ms. Vivian Letícia Busnardo Marques

Prof.ª Ms. Juliane Fuganti

Agente de Execução: Ana Cristina Tomé

Especialista em Conservação e Restauração de Bens Culturais Móveis

Responsável pelo Setor da Reserva Técnica

 

Visitas

O Acervo Belas pode ser visitado para fins didáticos e de pesquisa pela comunidade acadêmica e pela sociedade sob agendamento.

Contatos / Doações / Agendamentos para Visitas